terça-feira, julho 05, 2011

Há dez anos



Então. É Deus na terra e Selena Gomez no céu. "Eu quero ser famosa que nem ela". Catatau fez pesquisa de opinião na escola, no prédio dos meus pais, onde foi nas últimas três semanas: o que é preciso para ser famoso? Porque ela quer aparecer na TV e ser tão conhecida como sua ídola (ela meio que balançou no desejo depois que soube que a moça apanhou feio das fãs do namorado - aka Justin Biba, como as meninas dizem enquanto eu hahahahahahahahaha!).
Hoje foi dureza arrancar Catatau da caverninha de cobertores & travesseiros onde ela se esconde nas madrugadas geladas de Santa Teresa. Mas a irmã foi mais rápida do que eu e deu-lhe um abraço morno e um beijo na bochecha quente. Porque hoje são dez anos de vida de Catatau.
Joana de mãos gordinhas que agora só aceitam esmalte preto (que, inexplicavelmente, convive muito bem com os furinhos ainda remanescentes). Catatau de cabelos quase na cintura, pernas que se pronunciam longas e já de sutiã, mas que gosta de correr pela calçada de braços esticados e punhos cerrados, dizendo que é a SuperMenina.

Feliz aniversário, minha gorduchinha. Pra mim você é muito, muito, muito mais especial que qualquer Selena Gomez - aqui ou no céu.

3 comentários:

stella disse...

suzana, deixa eu pegar meu queixo ali no chão. eu vou fazer seus cupcakes e nem sabia que você era você e a festa era da Catatau!!! agora vai carinho extra no recheio!

Deh disse...

Coisa linda de menina. Muitos beijos pra ela!! :)

Tina Lopes disse...

Parabéns pras duas, atrasado mas com todo carinho =)