quarta-feira, setembro 11, 2013

Depois

Amigo querido disse uma vez que, quando uma coisa muda na vida da gente, todo o resto da nossa existência se desloca para acompanhar o movimento. Tudo - TUDO - na minha vida está se deslocando. Eu não sei que peça foi que saltou da engrenagem e nem quando, mas tudo mudou. Principalmente lá dentro, onde a vontade de ter cada vez menos me faz olhar com desinteresse pra tudo o que é meu e me perguntar "Pra que isso?"

A vontade de viajar. De não mais pintar os cabelos. De ler e aprender o máximo que a vida me permitir. De tentar fazer coisas ousadas, doidas, daquelas que as pessoas fazem bico e dizem "mas pra que gastar esse dinheiro?" Prometer com a certeza de que vai cumprir. Ter certeza de que o esforço vai valer a pena.

Saber que nada vai ser igual ao que foi, exatamente para eu voltar a ser quem eu era.


3 comentários:

Patricia Crosgnac disse...

Huah...adorei.
Te acompanho faz tempo, adoro o que vc escreve e sinto falta quando demora mto a dar notícias.
Me sinto bem assim como vc ecreveu hj.
bjs

Ana Cecília disse...

Sempre um prazer entrar nesse seu cantinho sem bater, ler e reler suas palavras... Impressionante como podemos nos importar (e torcer e chorar junto e admirar) pessoas que provavelmente jamais viremos a conhecer pessoalmente. Mas o faço, viu? Com gosto.

Sara disse...

Eu acho que teria de tranquilizar alguns espero ter a oportunidade de ser a semana que vem na minha nova casa, porque eu mudei de emprego e agora é porque eu queria mudar, porque Agora todo mundo quer alugar um apartamento